Ganhe dinheiro com futebol, guia do trader esportivo.

Se você está pensando em se tornar um trader esportivo, é importante que conheça as bases, para se tornar um trader de sucesso!

Você provavelmente nunca ouviu falar sobre fazer apostas em esportes, mas existem milhares de pessoas ao redor do mundo ganhando dinheiro nesses eventos esportivos que você costuma assistir e aplaudir do sofá.

Imagino que essa informação deva dar um “nó” na sua cabeça, mas fique tranquilo, pois esse artigo vai tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto. Ao chegar ao final, você poderá entender o mercado esportivo de uma forma muito mais simples.

 

Como funciona o comércio de esportes?

Podemos definir a negociação esportiva (ou trader esportivo) como a negociação de odds (apostas) em um evento esportivo. Em outras palavras, dentro de todo evento esportivo, seja um jogo de futebol, tênis, basquete, etc., há pessoas que compram e vendem as probabilidades desses eventos.

Existem inúmeras opções disponíveis para negociação em eventos esportivos. Tomando o futebol como exemplo, as negociações mais comuns são a probabilidade de um time ganhar ou perder a partida, a probabilidade de mais ou menos gols, etc.

 

Similaridade com o mercado financeiro

A bolsa de valores é o local onde as ações das empresas de capital aberto em todo o mundo são negociadas. Isso é semelhante ao comércio de esportes, portanto, podemos usar alguns exemplos do mercado financeiro para torná-lo mais fácil de entender.

Digamos que você queira comprar ações da Starbucks. Essa compra só acontecerá quando outra pessoa quiser vender aquela ação, ou seja, a negociação só será concluída se houver interesse mútuo de ambas as partes: uma vai vender e a outra vai comprar. 

 

Exemplo de avaliação do mercado de ações

Suponha que uma ação da Starbucks valha atualmente R$ 100 e você decida comprá-la. Após um período de 5 anos, você percebe que a mesma ação da Starbucks agora vale R$ 200 e, sabendo disso, decide vender essa ação a outra pessoa que esteja disposta a pagar o valor atual.

Você comprou por R$ 100 e venderá por R$ 200. Você terá um ganho de capital nesta transação porque houve uma valorização do valor da ação.

 

Exemplo de desvalorização no mercado

Agora, suponha que após os 5 anos mencionados no exemplo acima, a mesma ação da Starbucks, em vez de valorizar, vale apenas R$ 60. Após esse período, você decide vender as ações para outra pessoa que esteja disposta a pagar o preço atual.

Você comprou o estoque por R$ 100 e está vendendo por R$ 60. Você terá prejuízo nesta transação porque houve uma desvalorização do valor da ação.

Se você procura investimento no mercado financeiro pode faze-lo através da Iqoption. A Iqoption é um broker de confiança e número 1 em segurança e praticidade em investimentos financeiros. E é tão acessível que pode ser feito com 10 dólares apenas.

Veja como é simples clicando aqui

Como funciona o mercado esportivo?

O mercado de aposta esportiva trabalha de forma muito semelhante ao mercado financeiro, porém, em vez de negociar ações, o mercado esportivo é baseado nas probabilidades contidas em um evento esportivo.

Quer um exemplo para facilitar? Imagine uma partida de tênis; sabemos que no tênis não há empate, então um dos dois tenistas vai ganhar.

Ao longo da partida, você começou a notar que o tenista número 1 estava jogando muito bem. Seus saques e devoluções são muito bons e causam muitas dificuldades ao seu adversário, jogador número 2.

Deste ponto em diante, assumimos que o tenista número 1 tem mais chances de vencer a partida. Ao verificar a probabilidade oferecida pela vitória no tênis número 1, temos uma probabilidade de 60%.

Porém, ao analisarmos o jogo e o desempenho dos dois tenistas, consideramos este percentual muito baixo, se comparado ao que o tenista nº 1 apresentou na partida. Com base nessas informações, decidimos comprar essa probabilidade em favor do jogador número 1.

.

Ver mais sobre trader e mercado financeiro

Aprenda a ser um apostador profissional

Bolsa de valores, aprendendo a investir.

.

Exemplo de avaliação no esporte

Momentos após a entrada, o jogador número 1 fecha o primeiro set, confirmando nossa análise. Depois de vencer o primeiro set, sua probabilidade de vencer vai de 60% para 83%. Agora podemos vender essa probabilidade para outra pessoa que queira comprá-la.

Resumindo, estamos comprando 60% de probabilidade e revendendo a 83%. Teremos lucro neste comércio, pois houve uma apreciação na probabilidade de vitória do jogador número 1.

 

Exemplo de desvalorização no esporte

Outro cenário possível seria que o tenista número 1 perdesse o primeiro set, mesmo tendo mais chances de ganhar do que o jogador número 2. Após esse revés, a probabilidade de vitória do tenista número 1 cairia de 60% para 20. %. Nesse caso, teremos que vender essa probabilidade por um preço inferior ao que compramos originalmente.

Resumindo, estamos comprando 60% de probabilidade e vendendo 20%. Teremos prejuízo nesta negociação porque houve uma desvalorização da probabilidade do tenista número 1. Você notou a semelhança entre o trader de esportes e o financeiro?

Agora, quando um leigo lhe perguntar se você está apostando no “time do Neymar”, nesse cavalo ou no Rafael Nadal, explique que na verdade o que você está fazendo é comprar uma probabilidade de vitória, e que você pode ter lucro se essa probabilidade aumentar ou perda se diminuir.

 

O valor das transações

Antes de estarem disponíveis para negociação, todas as probabilidades de eventos são transformadas em cotações numéricas chamadas odds. Essa transformação facilita muito o cálculo das transações.

As probabilidades ou probabilidades são, portanto, números que representam uma probabilidade. 

 

Mercados disponíveis durante os eventos

Conforme mencionado anteriormente, dentro de cada evento esportivo, seja ele qual for, existem muitas opções para negociar as probabilidades, essas opções são chamadas de ” mercados”.

Portanto, na bolsa de esportes, temos o evento principal e os mercados específicos dentro desse evento. Por exemplo, em uma partida de futebol entre Manchester United e Liverpool, temos vários mercados disponíveis para negociação.

O mercado do vencedor, que permite a negociação da vitória e do empate de uma equipe. O mercado de gols, que permite negociar com base no número de gols da partida. O mercado de gols exatos, etc.

 

Submercados

Em alguns mercados específicos, pode haver submercados, que são criados para fornecer a oportunidade de negociar em situações menos generalizadas.

Por exemplo, no mercado do vencedor, podemos ter o mercado do vencedor no intervalo, ou seja, cobrindo apenas os primeiros 45 minutos. Outro exemplo conhecido é o mercado de escanteios, um submercados muito específico.

 

Como é a profissão de Trader Esportivo?

Cada profissão tem suas vantagens e desvantagens e a profissão de comerciante de esportes é a mesma. Tornar-se um trader profissional não é uma tarefa fácil, exige muita dedicação, conhecimento e autocontrole, mas, claro, é muito agradável e gratificante.

 

As maiores vantagens da profissão:

Liberdade de espaço

Dependendo de como você trabalha (explicarei isso mais tarde), você terá a liberdade de trabalhar onde quiser. Basta ter um computador ou celular com acesso à Internet.

Claro, em algumas situações você pode precisar de ferramentas de suporte no trabalho, mas em geral é possível trabalhar de qualquer lugar do mundo como um trader esportivo.

Liberdade de tempo

Em particular, uma das maiores vantagens do mercado esportivo é a liberdade que temos para definir os eventos esportivos que trabalharemos durante o mês. Ou seja, não existem dias ou horários fixos, é você quem define o dia e os eventos em que vai trabalhar ou não, através das suas estratégias de trabalho.

 

As maiores desvantagens de se tornar um trader esportivo

Você provavelmente deve imaginar como seria sua vida com todas essas vantagens, ser livre para viajar pelo mundo, poder trabalhar onde quiser e, o mais importante, ter mais tempo para ficar com sua família, certo? Mas nem tudo são flores – A profissão de trader esportivo também tem muitas dificuldades!

 

Compreender os riscos

A atividade de trader esportivo é considerada um investimento de renda variável de alto risco. Por ser constantemente confrontado com a variação de seu capital de giro, o profissional do setor está sujeito a uma forte pressão emocional, que pode comprometer a qualidade de suas decisões no trabalho.

 

Compromisso com o trabalho

É justamente por ter todas essas “liberdades” que a primeira dificuldade da profissão é o compromisso. É muito comum as pessoas se deixarem levar pelo conforto do dia a dia, sem se preocupar com a qualidade do seu trabalho.

 

A importância do foco em ser um trader esportivo

Outro problema muito comum com o trader esportivo é a distração durante o trabalho. Por termos essa liberdade de trabalhar em casa, no computador ou no celular, estamos sempre sujeitos à distração.

Nesse caso, o fácil acesso às redes sociais e a proximidade com a família, que para muitos é vista como uma vantagem, também pode ser um desafio no que diz respeito à concentração.

 

Preconceitos de família e amigos

Um dos maiores desafios para um comerciante de esportes é lidar com os preconceitos e a desconfiança de parentes e amigos próximos. Isso logicamente acontece devido à ignorância do assunto.

Os preconceitos causados ​​por esta falta de informação podem colocar grande pressão emocional no trader e, portanto, influenciar negativamente as suas decisões de negociação nos mercados.

A tranquilidade emocional é um dos principais ativos para trabalhar com calma. O apoio da família e de amigos próximos é, portanto, um bom ponto de partida.

 

Profissão solitária

Por ser exercida principalmente de forma individual, a profissão de trader esportivo sempre foi classificada como profissão solitária. Podemos interpretar isso como uma afirmação real, com base na ideia de que a maioria dos traders profissionais não tem um local fixo de trabalho, como em uma empresa convencional.

Ainda assim, o trabalho pode ser feito de forma coletiva, com troca de opiniões e experiências na negociação dos mercados. Normalmente, esse trabalho coletivo é feito por algum software de compartilhamento de áudio.

 

Mitos sobre o trader esportivo

Muitos são os mitos associados ao campo do trader esportivo, principalmente por se tratar de uma área que envolve financiamento e aplicação de capital. Vou listar os mitos mais comuns nessa profissão e explicar por que, na maioria dos casos, eles não devem ser levados a sério.

 

Simplicidade e facilidade

A maioria das pessoas conhece o comércio de esportes por meio de alguém que tenta vender um sonho. Ou seja, pessoas que criam uma “ilusão” e acabam escondendo tudo o que realmente se passa na profissão.

Vou enfatizar o que disse antes: não é nada fácil! É necessário estudar a fundo o comportamento do mercado, as mudanças de probabilidade e, claro, aprender a comportar-se emocionalmente em dias, semanas ou mesmo meses ruins. Por isso, é importante que todos que sonhem em começar nessa façam um curso de capacitação.

 

Lucro garantido

O comércio de apostas esportivas é um investimento de renda variável. Ou seja, como ocorre com qualquer investimento em renda variável, não podemos garantir rentabilidade de longo prazo. Não podemos definir um valor de lucro no final do mês, pois é um investimento de alto risco.

Se no final do primeiro mês você consegue ter lucro, não significa que nos próximos meses esses lucros serão recorrentes. Se alguém lhe prometeu lucros fáceis e exorbitantes, infelizmente você se enganou. 

 

É impossível ganhar dinheiro?

Você provavelmente está se perguntando se é possível ganhar dinheiro sendo trader esportivo, e posso dizer que sim. Da mesma forma, friso que é preciso muito estudo e empenho para ser lucrativo a longo prazo.

Principalmente porque esse mercado envolve um risco muito alto e a competição entre os traders é acirrada. Lembre-se de que é o seu dinheiro que está em jogo. Portanto, sabemos que nosso controle emocional também estará envolvido. É ele quem vai influenciar todas as suas ações nos mercados.

Se você quiser aumentar seu conhecimento sobre trader e apostas esportivas profissional e ter acompanhamento profissional, (que é o recomendado) pode fazer inscrição neste curso profissional dedicado a apostas esportivas.

Clique para conhecer

Todo trader esportivo é viciado?

Um dos grandes mitos é o equívoco de que um trader esportivo é na verdade um viciado em jogos de azar. Afinal, quem nunca ouviu essas histórias do tio do seu amigo que perdeu tudo no jogo? 

Existe uma grande diferença entre um viciado em jogos de azar e um operador profissional. Apesar da prática de apostas muitas vezes ligada a jogos de azar, o trader baseia a sua tomada de decisão em vários modelos, como o uso de estatísticas, a leitura e interpretação de eventos, etc.

 

O trader esportivo é uma farsa?

É óbvio que essa profissão não é uma farsa! Mas, como em todas as áreas que envolvem investimento, é muito fácil encontrar pessoas de má-fé que usam essa profissão como fachada para aplicar golpes e ganhar dinheiro para pessoas desavisadas.

Especialmente para iniciantes, que “compram” a ideia de um emprego dos sonhos perfeito e sem riscos. Você encontrará milhares de anúncios de mídia social com promessas irresistíveis; infelizmente, isso só contribui negativamente para preconceitos como esse. Por isso, para que seja possível se tornar um trader esportivo eficiente, é necessário realizar um curso de qualidade, que explique a forma correta de participar de disputas.

 

Um trader esportivo é na verdade um apostador?

Outro erro comum entre os iniciantes é imaginar que não há diferença nas atividades de um apostador, comumente conhecido como “viciado”, em comparação com um trader profissional. Apesar de muitas semelhanças, a forma como um apostador trabalha é completamente diferente da de um trader.

Uma das maiores diferenças entre esses dois profissionais é onde e como trabalham. Enquanto um apostador trabalha contra os corretores de apostas, um corretor opera contra outros corretores.

 

Como funciona uma corretora (broker)

Como se trata de um campo extremamente especulativo, no fundo todos sabemos que um corretor também é um “apostador”, porém um apostador profissional aposta contra uma casa de apostas. Nesta modalidade, é o bookmaker que determina e modifica as probabilidades de um evento a partir dos seus próprios critérios.

Portanto, se sua aposta ganhar, você ganha dinheiro e o agenciador de apostas perde. Por outro lado, se perder a aposta, que ganha é a casa de apostas. Para ser lucrativo, um apostador profissional deve “lutar” com as casas de apostas.

O trader de esportes não aposta contra uma casa de apostas, mas contra outros usuários. Usuários que também são chamados de traders porque compram e vendem probabilidades.

Nessa modalidade, quando um trader perde uma determinada quantia, esse dinheiro vai para outro trader que faz o contrário. Ou seja, haverá uma movimentação de capitais no mercado, sob a influência dessas pessoas.