Tudo que você precisa saber sobre chatbots

Spread the love
  • 1
    Share

O que são Chatbots?

De acordo com a Wikipedia, um chatbot é um programa de computador que conduz uma conversa via métodos auditivos ou textuais. Tais programas são freqüentemente projetados para simular convincentemente como um ser humano se comportaria como um parceiro de conversação, passando assim no teste de Turing . Chatbots são normalmente usados ​​em sistemas de diálogo para vários fins práticos, incluindo atendimento ao cliente ou aquisição de informações. Alguns chatbots usam sofisticados sistemas de processamento de linguagem natural , mas muitos sistemas mais simples verificam as palavras-chave na entrada e, em seguida, obtêm uma resposta com as palavras-chave mais correspondentes, ou o padrão de texto mais semelhante, de um banco de dados.

A medida que os consumidores são bombardeados com mais e mais anúncios online e no mundo real, o desafio de atrair diretamente os clientes é um desafio para as empresas grandes e pequenas.

Combinando a inteligência dos sistemas de aprendizado de máquina e AI com o toque pessoal de plataformas de tecnologia , como aplicativos de mensagens instantâneas ou dispositivos móveis, os chatbots podem em breve ser a melhor maneira de as empresas alcançarem diretamente seus clientes individuais.

Os programas procuram conversar com usuários humanos por meio de um aplicativo ou serviço online, respondendo a perguntas feitas pelo usuário e respondendo da melhor forma possível para simular uma conversa real.

Até recentemente, o sonho dos escritores de ficção científica, os chatbots, agora desfrutam de um aumento de popularidade nos últimos meses, à medida que empresas em todo o mundo buscam uma maneira de interagir diretamente com os clientes por meio dos aplicativos e serviços que mais usam.

Seja por meio de serviços de mensagens instantâneas, assistentes pessoais como Siri ou Cortana ou agentes on-line personalizados para orientá-los nas compras, os chatbots estão se tornando cada vez mais populares.

 

Devido aos abrangentes casos de uso de chatbots, há vários serviços potenciais diferentes que podem utilizar a tecnologia.

Atualmente, os usos mais populares dos chatbots são por meio de aplicativos e serviços de mensagens, permitindo que os clientes conversem diretamente com uma empresa ou vice-versa, mais isso ainda é só o começo.

 Muitas empresas estão usando chatbots para fornecer assistência on-line e assistência técnica aos clientes, o que significa que eles não precisam mais perder tempo esperando para falar com um representante de atendimento ao cliente no telefone.

Popularizado pelo Facebook Messenger, os chatbots também estão sendo usados ​​pelas empresas para alcançar os usuários por meio de serviços de mensagens instantâneas. Isso pode ser em um serviço de atendimento ao cliente, muito parecido com o exemplo acima, ou, alternativamente, enviar notificações push ou vouchers para clientes que possam estar em um determinado local ou inscritos em esquemas de fidelidade.

Os chatbots também podem ser encontrados em muitos dos principais dispositivos móveis atualmente, na forma de serviços de assistente pessoal. Empresas como Siri (Apple iOS), Cortana (Microsoft Windows) e Google Assistant (Android) podem ser classificadas como chatbots, pois são capazes de usar inteligência artificial e aprendizado de máquina para responder a perguntas. Alguns serviços podem até mesmo vincular-se a aplicativos e serviços externos para fornecer experiências mais ricas, como atualizações do tempo, tempos de viagem ou até mesmo reservas em restaurantes.

A Internet of Things também provou ser um valioso caso de uso para chatbots, permitindo que os dispositivos enviem alertas ou atualizações sempre que detectarem algo digno de nota.

 Como acontece com qualquer nova tecnologia, os chatbots tiveram que superar vários problemas como parte de seu processo de evolução.

Como funcionam os chatbots

Existem dois tipos de chatbots, um funciona com base em um conjunto de regras e o outro mais avançado usa o aprendizado de máquina.

O que isto significa?

Chatbot que funciona com base em regras:

  • Este bot é muito limitado. Só pode responder a comandos muito específicos . Se você diz a coisa errada ou uma pergunta que não tem na base de dados, o Chatbot não saberá responder e provavelmente retornará uma resposta pedindo para refazer a pergunta.
  • Este bot é tão inteligente quanto é programado para ser.

Chatbot que funciona usando o aprendizado de máquina:

  • Este bot possui inteligência artificial . Você não precisa ser tão específico nas perguntas quando está falando com com um chatbot desse tipo. Ele entende linguagem, não apenas comandos.
  • Este bot continua ficando mais inteligente, pois ele aprende com as conversas que tem com as pessoas. Isso significa que quanto mais as pessoas interagem com ele mais ele vai ficando mais inteligente e será mais eficiente.

Como construir chatbots

Construir um chatbot pode parecer assustador, mas é totalmente simples. Você estará criando uma máquina de bate-papo com inteligência artificial em pouco tempo (ou, é claro, você sempre pode criar um bot de bate-papo básico que não tenha um cérebro sofisticado de inteligência artificial e siga estritamente as regras).

Existem centenas, talvez milhares de empresas que oferecem tecnologia chatbot para empresas de todos os tamanhos. Essas agências ajudarão você a formar uma estratégia, criar uma solução e até mesmo fornecer treinamento a você e sua equipe.

Execute um teste piloto do chatbot, teste o ROI e meça as alterações para a satisfação do cliente. Você pode se surpreender com o impacto que essa tecnologia pode ter, Você pode também colocar um chatbot no seu site ou blog para que as pessoas interagem com ele e que ambos se beneficiarão de qualquer maneira.

 

As possibilidades dos Chatbots para o futuro

Bons chatbots são uma combinação de inteligência artificial, boa interface de usuário e integração bem pensada. Uma vez que as organizações tenham esses fatores certos, eles são capazes de explorar o potencial do que um chatbot pode realmente fazer.

Estamos olhando para um futuro onde o seu chatbot pode ajudá-lo a selecionar o tom certo de batom ou tamanho da camisa, conectando-se à câmera do seu telefone. Também será capaz de lembrar o que você comprou da última vez e fazer recomendações com base nisso.

Mais importante ainda, os chatbots serão capazes de diagnosticar doenças e recomendar tratamentos , poupando dinheiro e vidas no processo.

Chatbots substituindo Email Marketing

Sim, com certeza. o email marketing é uma ferramenta que está ficando pra traz e está dando lugar aos Chatbots cada vez mais inteligentes e que apresentam resultados impressionantes.

No ano de  2018 já existem mais de 100.000 chatbots no Facebook , sendo usados ​​por pessoas em mais de 200 países.

Mais alguns números para se empolgar:

  • O Facebook afirma que mais da metade de seus 2 bilhões de usuários de mensagens afirmam que têm mais probabilidade de fazer negócios com uma empresa que pode enviar mensagens
  • De acordo com a Hubspot , 47% dos consumidores compram itens de um chatbot e 57% dos consumidores estão interessados ​​em chatbots para o serviço instantâneo que eles fornecem.

Tudo isso é só um aperitivo do que ainda está por vir e que já desbancam o email marketing facilmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *